Mais um radiestesista do Nordeste

radiestesista com forquilha em pesquisa hídrica

Depois de Rivaldo Leite, outro radiestesista que teve reportagens sobre seu trabalho veiculadas pela mídia foi o Sr. Pedro Brasiliano, aposentado nordestino que aprendeu a Radiestesia com os sertanejos dos Inhamuns, a região mais seca do Ceará, onde os trabalhos de prospecção usuais com sondas obtém menos sucesso e o clima é mais imprevisível, forçando os habitantes a recorrerem a métodos que propiciem resultados concretos e imediatos.

Sobre seu trabalho,  houve uma reportagem exibida pelo Jornal Nacional no dia 01.12.2006, onde forma simples ele fala da técnica que utiliza e os êxitos obtidos, mais de 100 até 2006.

A Radiestesia, embora tenha sucessos repetidos na busca de água no subsolo,  infelizmente ainda encontra resistência quanto ao seu uso em vários setores, devido principalmente a falta de informações das pessoas, esperamos que a publicação, cada vez mais constante de casos como este possam ser úteis para reverter o quadro atual e para fazer da Geobiologia uma coadjuvante mais empregada em processos de prospecção.

Basta clicar no link abaixo para ter acesso a matéria escrita pelo Diário do Nordeste.

Aposentado utiliza técnica milenar para encontrar água

About The Author

Sérgio Nogueira

Presidente da Associação Brasileira de Radiestesia e Radiônica (ABRAD). Possui formação ainda nas áreas de acupuntura, reiki, hipnose, magnetismo e outras, que utiliza de forma sinérgica em seu trabalho. Atualmente se dedica a atendimentos na área de radiestesia empresarial, auxiliando profissionais e empresas a atingirem seus objetivos.

Comente este artigo